Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufopa.edu.br/jspui/handle/123456789/1202
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisor1SARMENTO, Ana Maria Silva-
dc.date.accessioned2023-11-16T21:57:09Z-
dc.date.available2023-11-16T21:57:09Z-
dc.date.issued2023-07-26-
dc.identifier.citationPEREIRA, Geovana Lima. Acesso e efetividade dos serviços do sistema único de saúde (sus) nas comunidades quilombolas Murumuru e Saracura, município de Santarém, Pará. Orientadora: Ana Maria Silva Sarmento; Coorientador: Nirson Medeiros da Silva Neto. 2023. 203f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Sociedade) – Universidade Federal do Oeste do Pará, Pró-reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação tecnológica, Instituto de Ciências da Sociedade, Programa de Pós Graduação em Ciências da Sociedade, Santarém, 2023. Disponível em: https://repositorio.ufopa.edu.br/jspui/handle/123456789/1202pt_BR
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufopa.edu.br/jspui/handle/123456789/1202-
dc.description.abstractHealth is a universal right in Brazil at all levels of care, and it is the duty of the State to provide the indispensable conditions for its full exercise, without prejudice or privilege of any kind. Quilombola communities are affected by multiple inequalities, despite constant transformations and attempts to promote equity and universal access to health. In this sense, this dissertation seeks to answer how is access to health services offered by SUS in the remaining quilombo communities Murumuru and Saracura? Seeking to understand if there are conditions of access, if it is effective, if the services offered are able to meet the needs of quilombos and how health care is planned for these communities. For this purpose, the study had as its methodological principle the qualitative approach, using for the interpretation and analysis of the data the Collective Subject Discourse (CSD) technique, by Lefrève and Lefrève (2003). Access to the health services offered by the SUS for the two quilombola communities is hampered by distance; precarious means of transportation and financial resources to travel to the Basic Health Units (UBSs); and the difficulty of obtaining care at the UBSs in the urban area of Santarém.Issues of transportation, infrastructure, lack of financial incentives, and seasonality are obstacles for Family Health Teams (EqSF) to promote health actions more frequently and offer services in the communities.In the quilombos, families resort to the manipulation of medicinal plants in the preparation of teas, syrups, juices, bottles, and also seek benzedeiras, healers, midwives and puxadores for the prevention or treatment of diseases. In both communities, it is common for CHWs to schedule medical appointments when requested, community members have a strong bond with these professionals, who, because they live in quilombos, are the first ones sought by users. In addition, managers' lack of knowledge about public health equality policies that include the black and quilombola population is an obstacle to promoting health equity.pt_BR
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Brasil (CAPES)pt_BR
dc.languagept_BRpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Oeste do Parápt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectAcessopt_BR
dc.subjectSUSpt_BR
dc.subjectQuilombolaspt_BR
dc.subjectSantarém - Parápt_BR
dc.titleAcesso e efetividade dos serviços do sistema único de saúde (sus) nas comunidades quilombolas Murumuru e Saracura, município de Santarém, Parápt_BR
dc.typeDissertationpt_BR
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/7921464936813432pt_BR
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/1309874835679824pt_BR
dc.contributor.advisor-co1SILVA, Nirson Medeiros da-
dc.contributor.advisor-co1Latteshttp://lattes.cnpq.br/0694691059822359pt_BR
dc.contributor.advisor-co1ORCIDhttps://orcid.org/0000-0002-9487-0941pt_BR
dc.description.resumoA saúde é um direito universal no Brasil em todos os níveis de assistência, sendo dever do Estado prover as condições indispensáveis ao seu pleno exercício, sem preconceitos ou privilégios de qualquer espécie. As comunidades quilombolas são atingidas por múltiplas desigualdades, apesar das constantes transformações e tentativas para promover a equidade e o acesso universal à saúde. Nesse sentido, esta dissertação procura responder como se dá o acesso aos serviços de saúde ofertados pelo SUS nas comunidades remanescentes de quilombo Murumuru e Saracura? Buscando compreender se existem condições de acesso, se é efetivo, se os serviços ofertados são capazes de suprir a necessidade dos quilombos e como é planejada a atenção à saúde para essas comunidades. Para este propósito, o estudo teve como princípio metodológico a abordagem qualitativa, utilizando-se para a interpretação e análise dos dados a técnica do Discurso do Sujeito Coletivo (DSC), de Lefrève e Lefrève (2003). O acesso aos serviços de saúde ofertados pelo SUS para as duas comunidades quilombolas é dificultado pela distância; precário meio de transporte e de recursos financeiros para o deslocamento até as Unidades Básicas de Saúde (UBSs); e pela dificuldade de obtenção de atendimentos nas UBSs da zona urbana de Santarém. As questões de transporte, infraestrutura, falta de incentivo financeiro, e sazonalidade são empecilhos para que as Equipes de Saúde da família (EqSF) promovam ações em saúde com mais frequência e ofertas de serviços nas comunidades. Nos quilombos as famílias recorrem à manipulação de plantas medicinais no preparo de chás, xaropes, sucos, garrafadas, também procuram benzedeiras, curandeiras, parteiras e puxadores visando a prevenção ou tratamento de doenças. Nas duas comunidades, é comum que os ACSs agendem as consultas médicas quando lhes solicitado, os comunitários possuem um forte vínculo com esses profissionais, que por residirem nos quilombos são os primeiros procurados pelos usuários. Além disso, o desconhecimento dos gestores sobre as políticas públicas de igualdade em saúde que contemplam a população negra e quilombola é um entrave para a promoção da equidade em saúde.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Ciências da Sociedadept_BR
dc.publisher.initialsUFOPApt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIÊNCIAS HUMANASpt_BR
dc.creatorPEREIRA, Geovana Lima-
dc.publisher.departmentInstituto de Ciências da Sociedadept_BR
Appears in Collections:Dissertações em Ciências da Sociedade (Mestrado)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Diissertacao_AcessoEEfetividadeDosServiços.pdf112,89 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.