Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufopa.edu.br/jspui/handle/123456789/380
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisor1BRASILEIRO, Tânia Suely Azevedo-
dc.date.accessioned2021-02-25T13:33:17Z-
dc.date.available2021-02-25T13:33:17Z-
dc.date.issued2020-08-31-
dc.identifier.citationRIBEIRO, Marcello Batista. TI Verde na formação do cientista da computação: um estudo voltado às práticas sustentáveis em uma universidade amazônica. Orientador: Tânia Suely Azevedo Brasileiro. 2020. 269 f. Tese (Doutorado em Sociedade, Natureza e Desenvolvimento) - Programa de Pós-graduação em Sociedade, Natureza e Desenvolvimento, Universidade Federal do Oeste do Pará, Santarém, 2020. Disponível em: https://repositorio.ufopa.edu.br/jspui/handle/123456789/380. Acesso em:pt_BR
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufopa.edu.br/jspui/handle/123456789/380-
dc.description.abstractInformation Technology (IT) are responsible for a portion of the world's pollution with the emissions of CO2, toxic waste disposal, among others. With the arrival of Industry 4.0, the pollution tends to increase and the IT professional must also assume the task of managing and/or avoiding these impacts. The university has a strategic role in coaching this professional for the new reality. Thinking about it, this doctoral thesis aims to "To analyze the environmental thematic/Green IT in the formation of the Computer Scientist at the Federal University of Rondônia (UNIR) and the level of socio-environmental awareness of teachers and graduates of the program". It is a case study in the Computer Science course at UNIR - headquarters campus, with a qualitative and quantitative approach, based on bibliographic, documentary and empirical research. Was applied online questionnaires for 45 undergraduates and 14 professors of the program. The data were treated with content analysis and the triangulation technique. As a result it was found that: with regard to the Amazon thematic, highlighted in the PDI, the same does not occur in the PPC of the studied program, even though UNIR documents partially comply with EA legislation; there are indications related to the environmental thematic in the curriculum of the Computer Science Program studied in only one disciplines, however, most of the respondent professors say they do not address these issues in their disciplines, although the undergraduates surveyed affirm the opposite, including confirming the aforementioned, in addition to indicating several other disciplines directly related to the area of computing. It should be noted that the subjects in the area of mathematics are advertised as those that have no relation to environmental and/or green IT themes; most graduates and teachers demonstrate knowledge about green IT and sustainable practices, but only 18% of graduates claim to have acquired this knowledge at the university; professors and graduates consider it important to insert the environmental thematic/Green IT in the subjects of the course studied, even though there are professors arguing that it should be treated in a transversal way in the curriculum. As for the level of socio-environmental awareness of those surveyed, it can be said that in the personal sphere they recognize and announce the adoption of personal Green IT practices, including energy savings, minimal use of paper and proper disposal of equipment. The study concludes that Green IT has the potential to be used as part of Environmental Education (EA) in Computer Programs, leading future professionals to be co-responsible with a more sustainable society.pt_BR
dc.description.sponsorshipCAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superiorpt_BR
dc.languagept_BRpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Oeste do Parápt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/3.0/us/*
dc.subjectCiências Ambientaispt_BR
dc.subjectTecnologia da Infomaçãopt_BR
dc.subjectCientista da Computaçãopt_BR
dc.subjectFormação Profissionalpt_BR
dc.subjectConsciência Socioambientalpt_BR
dc.titleTI Verde na formação do cientista da computação: um estudo voltado às práticas sustentáveis em uma universidade amazônicapt_BR
dc.typeThesispt_BR
dc.description.resumoA Tecnologias da Informação (TI) é responsável por uma parcela da poluição mundial como: emissão de CO2, descarte de lixo tóxico, entre outros. Com a chegada da Indústria 4.0, a poluição advinda da TI tende a crescer e o profissional de TI deverá também assumir a tarefa de gerir e/ou evitar esses impactos. A universidade tem um papel estratégico na preparação deste profissional para a nova realidade. Pensando nisso, essa tese doutoral tem como objetivo “Analisar a temática ambiental/TI Verde na formação do Cientista da Computação da Fundação Universidade Federal de Rondônia (UNIR) e o nível de consciência socioambiental de docentes e egressos do curso”. Sendo assim, um estudo de caso no curso de Ciência da Computação da UNIR, de abordagem quali-quantitativa, a partir de pesquisas bibliográficas, documental e empírica. Foram aplicados questionários online com 45 egressos e 14 docentes do curso. Os dados foram tratados com técnicas de análise de conteúdo e triangulação. Como resultados constatou-se que: no tocante a temática Amazônia, destacada no PDI, o mesmo não ocorre no PPC do curso estudado, ainda que documentos da UNIR demonstrem que atendem parcialmente a legislação da EA; há indícios relacionados à temática ambiental no currículo do Curso de Ciência da Computação estudado em apenas uma disciplina, contudo, a maioria dos professores respondentes afirma não tratar destas questões nas suas disciplinas, embora os egressos pesquisados afirmem o contrário, além de indicarem várias disciplinas diretamente relacionadas à área da computação. Cabe destacar que as disciplinas da área da matemática são anunciadas como as que não apresentam relação com os temas ambientais e/ou de TI verde; a maioria dos egressos e docentes demonstra conhecimento sobre TI Verde e práticas sustentáveis, porém somente 18% dos egressos afirmam ter adquirido esse conhecimento na universidade; professores e egressos consideram importante a inserção da temática ambiental/TI Verde nas disciplinas do curso estudado, ainda que hajam docentes defendendo que esta seja tratada de forma transversal no currículo. Quanto em nível de consciência socioambiental dos pesquisados, pode-se afirmar que no âmbito pessoal reconhecem e anunciam a adoção de práticas pessoais de TI Verde, dentre elas economia de energia, uso mínimo do papel e descarte adequado de equipamentos. O estudo conclui que a TI Verde tem potencial para ser usada como parte da Educação Ambiental (EA) nos cursos de Computação, levando os futuros profissionais a serem corresponsáveis com uma sociedade mais sustentável.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Sociedade, Natureza e Desenvolvimentopt_BR
dc.publisher.initialsUfopapt_BR
dc.subject.linhadepesquisaGESTÃO DO CONHECIMENTO E INOVAÇÃO PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVELpt_BR
dc.subject.areadeconcentracaoSOCIEDADE, NATUREZA E DESENVOLVIMENTOpt_BR
dc.creatorRIBEIRO, Marcello Batista-
dc.publisher.departmentInstituto de Biodiversidade e Florestaspt_BR
Appears in Collections:Teses em Sociedade, Natureza e Desenvolvimento (Doutorado)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação_TIVerdeformação.pdf45,75 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons