Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufopa.edu.br/jspui/handle/123456789/69
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisor1SOUSA, Keid Nolan Silva-
dc.date.accessioned2021-01-02T10:28:52Z-
dc.date.available2021-01-02T10:28:52Z-
dc.date.issued2019-01-
dc.identifier.citationSANTOS, Paulo Roberto Brasil. Caracterização limnológica e modelagem ecossistêmica para projeção de cenários na produção aquícola de Tambaqui (Colossoma macropomum Cuvier, 1818) no reservatório da UHE de Curuá-Una, Pará, Brasil. Orientador: Keid Nolan Silva Sousa; Coorientadora: Andreia Cavalcante Pereira. 2019. 122 f. Tese (Doutorado em Sociedade, Natureza e Desenvolvimento) - Programa de Pós-graduação em Sociedade, Natureza e Desenvolvimento, Universidade Federal do Oeste do Pará, Santarém, 2019. Disponível em: https://repositorio.ufopa.edu.br/jspui/handle/123456789/69. Acesso em:pt_BR
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufopa.edu.br/jspui/handle/123456789/69-
dc.description.abstractThe Hydroelectric Power (HP) Plant reservoir Curuá-Una was the first hydroelectric plant built in Central Amazonia. This reservoir can be used as a projection example of the impacts caused by these buildings in aquatic habitats. Due to the great importance of this reservoir for the limnology studies for the Amazon, the objective of this study was firstly to classify the reservoir waters based on trophic state indexes (TSI); to identify the spatial and temporal distribution patterns of limnological environmental variables and of the phytoplankton community; To construct a simplified mathematical dynamics model of the total phytoplankton biomass; and to simulate three scenarios of tambaqui production in cage to evaluate capacity of support of the contribution of nutrients in the reservoir. The samplings were colletecd in May 2016 to February 2017 in 8 points. The limnological variables determined were: water transparency, conductivity, turbidity, dissolved oxygen, pH, BOD, nitrate, silica, total phosphorus, chlorophyll a. Phytoplankton samples were quantified by the UTERMÖHL and UHELINGER methods, for which the results were then expressed in ind.mL-1. For the model construction was divided into two stages, the first was to construct a model terms of total biomass (chlorophyll-a) and the second stage is to elaborate a projection of three tambaqui production scenarios in tank-nets in the reservoir. For the construction of the integrated two-step model, the STELLA 8.0 software was used, the solutions of the ordinary differential equations were calculated using the 4th order Runge-Kutta numerical integration method. The TSI varies between ultraoligotrophic and mesotrophic, being observed both in the proximity of the upstream dam. The results obtained for the abiotic limnological variables, suggest that the seasonal effect is responsible for the variability of such variables. This is demonstrated by the analysis of major components revealed that the samples are grouped seasonally between dry, intermediate and rainy seasons. The simulation of the model for the total phytoplankton biomass in terms of chlorophyll a for 12 months, showed a good accuracy and the validation had the coefficient of determination R2 = 68.55% between the variability of the simulated period with the data observed in the field. Simulations for the tambaqui production scenarios in net tanks showed that they both exceeded CONAMA's limits in 240 days of cultivation. The more conservative scenario that presents the lowest fish density, despite having less impact, does not present economic viability; on the other hand, the scenario with higher fish density presents greater economic viability, according to data obtained in the literature. Finally, it should be noted that these results of the modeling of the present study is a scientific product that presented scenarios of aquaculture, passive improvements with insertion of other key variables of water quality that can be verified. And, it also opens the possibilities for this scientific product to be evaluated by decision makers to discuss the implantation of aquaculture enterprises in reservoirs in the Amazon to estimate the capacity of support of effluents that can directly interfere in the water quality of these environments.pt_BR
dc.languagept_BRpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Oeste do Parápt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.rightsAttribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 United States*
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/3.0/us/*
dc.source1 CD-ROMpt_BR
dc.subjectReservatóriopt_BR
dc.subjectModelagem ecossistêmicapt_BR
dc.subjectParâmetros limnológicospt_BR
dc.subjectTambaquipt_BR
dc.titleCaracterização limnológica e modelagem ecossistêmica para projeção de cenários na produção aquícola de Tambaqui (Colossoma macropomum Cuvier, 1818) no reservatório da UHE de Curuá-Una, Pará, Brasilpt_BR
dc.typeThesispt_BR
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/9558469007033186pt_BR
dc.creator.ORCIDhttps://orcid.org/0000-0003-2454-3061pt_BR
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/3553985889834657pt_BR
dc.contributor.advisor-co1PEREIRA, Andreia Cavalcante-
dc.contributor.advisor-co1Latteshttp://lattes.cnpq.br/7088943165048531pt_BR
dc.description.resumoO reservatório da Usina Hidrelétrica (UHE) de Curuá-Una foi a primeira usina hidrelétrica construída na Amazônia Central. Este reservatório pode ser um exemplo de projeção de impactos causados por esses empreendimentos sobre os habitats aquáticos. Devido à grande importância desse reservatório para os estudos de limnologia para Amazônia, este estudo teve como objetivo foi em primeiro lugar, classificar as águas do reservatório da UHE de Curuá-Una por meio do índices de estado trófico (IET); identificar os padrões de distribuição espaciais e temporais das variáveis ambientais limnológicas e da comunidade fitoplanctônica; Construir um modelo matemático simplificado da dinâmica da biomassa total fitoplanctônica; e simular três cenários de produção de tambaqui em tanque-rede para avaliar capacidade de suporte do aporte de nutrientes no reservatório. As amostragens foram realizadas em maio/2016 a fevereiro/2017 em 8 pontos. As variáveis limnológicos determinadas foram: Transparência da água, condutividade, turbidez, oxigênio dissolvido, pH, DBO, nitrato, sílica, fósforo total, clorofila-a. As amostras do fitoplâncton foram quantificadas pelos métodos de UTERMÖHL e UHELINGER, para logo em seguida os resultados foram expressos em ind.mL-1. Para construção do modelo foi dividida em duas etapas, a primeira foi construir um modelo termos de biomassa total (clorofila-a) e a segunda etapa é elaborar uma projeção de três cenários de produção tambaqui em tanques-redes no reservatório. Para a construção do modelo integrado das duas etapas, recorreu-se ao software STELLA 8.0, as soluções das equações diferenciais ordinárias foram calculadas por meio da aplicação do método de integração numérica de Runge-Kutta de 4a ordem. O IET varia entre ultraoligotrófico a mesotrófico, sendo observados tanto nas proximidade da barragem a montante. Os resultados obtidos para as variáveis limnológicas abióticas, sugerem que o efeito sazonal é responsável pela variabilidade de tais variáveis. Isso é demostrado pela análise de componentes principais revelou que as amostras agrupam-se sazonalmente entre as estações climáticas seco, intermediário e chuvoso. A simulação do modelo para a biomassa total fitoplanctônica em termos de clorofila-a para 12 meses, demostrou uma boa acurácia e a validação apresentou o coeficiente de determinação R2 = 68,55% entre a variabilidade do período simulado com os dados observados em campo. As simulações para os cenários de produção de tambaqui em tanques-rede, demonstrou que ambos ultrapassam os limites do CONAMA em 240 dias de cultivo. O cenário mais conservador que apresenta a menor densidade de peixes, apesar de causar menos impacto, não apresenta viabilidade econômica, por outro lado, o cenário com maior densidade de peixes apresenta maior viabilidade econômica, segundo dados obtidos na literatura. Finalmente, cabe salientar que esses resultados da modelagem do presente estudo é um produto científico que apresentou cenários de produção aquícola, passivo de aprimoramentos com inserção de outras variáveis chave de qualidade da água que possam vir a ser constatadas. E, também abre a possibilidades desse produto científico ser avaliado por tomadores de decisão discutirem a implantação de empreendimentos aquícolas em reservatórios na Amazônia para estimar a capacidade de suporte de efluentes que posso interferir diretamente na qualidade da água desses ambientes.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Sociedade, Natureza e Desenvolvimentopt_BR
dc.publisher.initialsUFOPApt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIÊNCIAS AMBIENTAISpt_BR
dc.subject.areadeconcentracaoCIÊNCIAS AMBIENTAISpt_BR
dc.creatorSANTOS, Paulo Roberto Brasil-
dc.publisher.departmentInstituto de Biodiversidades e Florestaspt_BR
Appears in Collections:Teses em Sociedade, Natureza e Desenvolvimento (Doutorado)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese_CaracterizacaoLimnologicaeModelagem.pdf2,82 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons